Prémio CEI

De modo a melhor motivar os discentes do ISCAP-P.PORTO para a prática da investigação científica e a fortalecer a sua ligação à Instituição, o Centro de Estudos Interculturais (CEI) do ISCAP-P.PORTO estabeleceu o PRÉMIO CEI – DALILA LOPES para a melhor Dissertação/Projecto/Relatório na área dos Estudos Interculturais, elaborado e defendido em qualquer um dos Mestrados do ISCAP-P.PORTO.

O PRÉMIO CEI – DALILA LOPES, cuja primeira edição decorreu em 2010, consiste numa menção e diploma a atribuir durante as celebrações do dia do Instituto, bem como na oferta de um cheque-livro no valor máximo de 100 (cem) Euros e no convite para apresentar o trabalho premiado numa Conferência promovida pelo CEI.

A partir de 2017, o PRÉMIO CEI passou a designar-se PRÉMIO CEI – DALILA LOPES, em homenagem à docente e investigadora que integrou desde o primeiro instante a equipa fundadora e coordenadora do CEI.

Goreti Margarida dos Santos Araújo, com

Interculturally effective people within organizational wide agility and science fiction as testing ground. Star Trek Voyager as case study

&

Vera Cristina Maia da Silva Vieira, com

Working in an Intercultural Environment – Experience at the Aschaffenburg University of Applied Sciences International Office

Vencedora da 6ª Edição do Prémio CEI – Dalila Lopes, 2017

Maria Inês Félix Ribeiro, com a dissertação

A Terminologia do Combate na Tradução em The Professor in the Cage, de Jonathan Gottschall

Vencedor do Prémio CEI 2015

Jorge Nuno Sequeira, com a dissertação

Sherlock Holmes: From Paper to the Screen – An Analysis of the Intersemiotic Translation of Sir Arthur Conan Doyle’s “The Hound of the Baskervilles”

Vencedora da 4ª Edição do Prémio CEI, 2013

Alexandra Soeiro da Fonseca Guimarães, com a dissertação

Tradução Comentada do Livro de Abel Salazar “A Crise da Europa”

Vencedora edição 2012

Sara Isabel Faria Brusaca, com a dissertação

Edição, Tradução e Análise do Livro ‘In Permanent Transit: Discourses and Maps of the Intercultural Experience’

Vencedores Prémio CEI 2011

Contributos da Tradução para a Historiografia Portuguesa: Reflexões pré e para-tradutivas em torno da ‘Narrativa da Expedição a Portugal em 1832’

Ivo Rafael Gomes da Silva

&

Da leitura à escrita – O processo de tradução de ‘Nota al pie’, de Rodolfo Walsh

Laura Tallone

Vencedora do Prémio CEI 2010

Carla Maria Neves Guimarães da Silva, com a dissertação

Traduzir poesia. Análise metodológica e contrastiva da(s) tradução(ões) de ‘Die Irren, Die Häftlinge’ de Thomas Bernhard